sexta-feira, novembro 25, 2005

Violência contra a mulher.Quando isto vai acabar?

Violência contra a Mulher...
"A ignorância é a noite da mente,mas uma noite sem luar e sem estrelas"
Confúcio

A violência contra a mulher é uma enfermidade social enraizada na cultura humana, e eu já falei isto ontém aqui.Em alguns países,os próprios governantes nada fazem contra ela.Nestas culturas, a violência contra a mulher é aceita; e aprendem desde cedo que a mulher é a própria culpada da violência por ela sofrida apenas pelo fato ter nascido mulher.As vítimas são esquecidas.Existem dados que apontam para a triste verdade,mais de 60% dos crimes de morte contra a mulher,são cometidos por seus parceiros.
A Violência contra a mulher é considerado como um problema de saúde pública, ao lado da violação dos direitos humanos.
Em suas formas (psicológica, física e abuso sexual), a violência pode causar diversos problemas vida da melher.As mulheres são as maiores vítimas da Violência Institucional, pois recebem serviços de má qualidade e em condições inadequadas, o que ocasiona danos físicos e psicológicos para a mulher.O resultado de toda e qualquer violência contra amulher pode ser fatal. As mulheres possuem direitos que são violados,embora sejam garantidos até de forma internacional, até porque a mulher é um ser humano e os direitos humanos são dela também.Li certa vez em um site que em uma Assembléia Geral das Nações Unidas,realizada em 1979, foi Lei Internacional dos Direitos da Mulher ( Leia "Convenção de Eliminação de todas as formas de discriminação contra a mulher" ).
Existe ainda a "Declaração da Eliminação da Violência contra a Mulher". Um documento que afirma que a violência contra a mulher viola e degrada os direitos humanos da mulher em seus aspectos fundamentais de liberdade e vida.Existem ainda outros documentos que falam sobre a violência na internet, basta a pessoa procurar e se tomar para si a responsabilidade de abrir o peito e dizer:SOU CONTRA A VIOLÊNCIA À MULHER!
Abra o peito para esta luta! Transforme - se hoje em um agente contra a violência.Contra qualquer violência, mas principalmente a violência contra a mulher.Sai de sua toca e compre uma flor, ofereça para uma mulher,qualquer mulher, até uma estranha que passa na rua, mas faça algo que ,ostre seu comprometimento com esta causa.Vista esta camisa.A camisa contra a violência familiar,institucional e social contra a mulher.
UMA VIDA SEM VIOLÊNCIA É UM DIREITODAS MULHERES.

DOIS PONTOS NO ROSTO.
QUATRO PONTOS NA MÃO.
TRÊS PONTOS NA PERNA.
UM PONTO FINAL.

MEDO, VERGONHA,CULPA.
VOCÊ NÃO IMAGINA QUANTA
COISA A MULHER AGREDIDA
SENTE ALÉM DA DOR.

A VIOLÊNCIA ATINGE A ALMA,
DESTRÓI OS SONHOS
E ACABA COM A DIGNIDADE DAS MULHERES.

Esta é uma blogagem coletiva criada pela senhora Denise Arcoverde, criadora da ONG Origem, em sua página pessoal: www.sindromedeestocolmo.com e participam desta blogagem e leia as páginas indicadas, comentem e distribua esses endereços:
¡Ay, Caramba!
Ana Frank
Biscoito Fino e a Massa
Cala-te Boca
Caminhar
Chato
Chez Moi
CIJ - Centro Interescolar da Juventude
Cinemeira
Com Que Roupa
C.O.S.F.
Croissant-land
Elisabeth Lorena Alves
Encontros do Cotidiano
Escritos Em Letra De Forma
Gimme Some Truth
Home da Dae
Imaginação ao Poder
(In)confidência Mineira
Lico Tipo Especial
Loco Por Ti
Macaxeira Blues
Missisclof
Nós Por Nós
(P)Arte
Paulokunha
Perdida na Espanha
Pinkareta
Pras Cabeças
Quintanares
Sentidos
Síndrome de Estocolmo
Sombra da Lua
Sopa no Exílio
Stuck in Sac
Sturm und Drang!
Uma Malla Pelo Mundo
Velho do Farol
Vida na Geleira
Ventania de Palavras
Zoon-Politikon
cijguaianazes
rosuzieelisdominadoras(olha o conto)

Elisabeth Lorena Alves
Diretora de Projetos CIJ
e Prof.Eventual de Cidadania (EMC)


Saiba mais sobre o assunto, acessando:Observatório da Violência Contra a Mulher

No woman no cry!
Participe da blogagem coletiva, amanhã, dia 25!!!

2 Comments:

Anonymous Ana Frank said...

Realmente é muito dificil se livrar da violência que se tornou cultural em relação ao gênero.

A Mulher tem que viver livre da violência, ponto crucial para se criar um Mundo baseado na cultura de respeito aos Direitos Humanos.

5:34 AM  
Blogger dou-trina said...

CONTINUAMENTE ESCUTO PRONUNCIAMENTOS CONTRA A VIOLENCIA A MULHER, SOU TOTALMENTE CONTRA, MAS TEMOS TAMBÉM QUE COMEÇAR A AVALIAR AS PROVOCAÇÕES QUE AS MULHERES PRINCIPALMENTE DA PERIFERIA FAZEM A SEUS PARCEIROS E QUANDO ESSE IRRITADOS E OFENDIDOS VERBAL E DESONROSAMENTE OUVEM AS MESMAS PRONUNCIAREM FRASES AMEAÇADORAS DO TIPO "ENCOSTA A MÃO EM MIM PRA VER SE NÃO TE COLOCO NA CADEIA ATRAVÉS DA LEI MARIA DA PENHA" E MUITAS VEZES ELES PAGAM PRA VER, NESSES CASOS DE QUEM É A CULPA DO RESELTADO!!!?????

1:59 PM  

Postar um comentário

<< Home